Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > Professor da USP destaca a ciência brasileira e internacional na pesquisa do coronavírus
Início do conteúdo da página

As análises de desempenho ambiental realizadas por meio da Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) têm se tornado cada vez mais recorrentes e importantes para os diferentes setores produtivos. Este é um dos princípios que servem de base para os dois primeiros artigos do terceiro volume da Revista Latino-Americana em Avaliação do Ciclo de Vida, a LALCA, já disponível para leitura.

Uma revisão de planejamento estratégico baseado na perspectiva do ciclo de vida, de autoria de Murillo Vetroni Barros, Rodrigo Salvador, Cassiano Moro Piekarski e Antonio Carlos de Francisco apresenta uma revisão de literatura sobre áreas correlatas, autores, lacunas de pesquisa e potenciais estudos sobre o tema, que podem auxiliar gestores e empresários a planejar estrategicamente possíveis avaliações com o uso da ferramenta de ACV.

Já o trabalho de Jean Guilherme Azarias, Lucas Daniel Del Rosso Calache, Érica Gonçalves Rezende, Thiago Venancio de Matos, Aldo Roberto Ometto, Aparecido dos Reis Coutinho, intitulado Avaliação do ciclo de vida do alumínio presente em turbocompressores, traz uma abordagem mais específica e relata os impactos ambientais associados aos componentes de alumínio utilizados na fabricação de turbocompressores (usados em motores para obter mais potência), identificando as etapas com maior impacto e ações de mitigação.

Apesar de enfoques distintos, os dois trabalhos trazem uma discussão relevante no cenário da produção acadêmica em ACV, sobretudo ao utilizar metodologias e referências importantes para a disseminação do tema na América Latina.

Novidades na LALCA

A partir do volume 3, a LALCA passa a publicar artigos na modalidade de publicação contínua, ou seja, logo após a revisão e a diagramação, sem necessidade de aguardar o fechamento de uma edição com um número mínimo de artigos, como era feito anteriormente.

André Appel, coordenador editorial da revista, relata que outra mudança importante refere-se ao novo projeto gráfico. “Foram feitos ajustes no projeto para possibilitar mais autonomia no processo de diagramação e geração das versões finais, além da inserção de informações complementares padronizadas conforme diretivas de órgãos como SciELO, DOAJ e ORCID”.

As submissões para a LALCA são analisadas por uma equipe multidisciplinar de especialistas, observando os princípios do rigor científico e a qualidade da pesquisa, e podem ser realizadas pelo site da revista. Após breve cadastro, é preciso verificar se o trabalho está em acordo com o escopo da revista e seguir os próximos passos explicados no momento da submissão. Serão aceitos artigos em língua portuguesa, língua espanhola, ou em língua inglesa, com resumos nas três línguas, obrigatoriamente.

Para ter acesso à LALCA e submeter seu trabalho, clique aqui.

Lucas Guedes

Núcleo de Comunicação Social

Publicado em Notícias
Fim do conteúdo da página