Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > IBICT participa de Workshop com entidades para discutir o Consórcio Conecti Brasil
Início do conteúdo da página

O Canal Ciência, uma iniciativa do Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (Ibict), está com as inscrições abertas para realização de oficinas em escolas públicas e privadas do Distrito Federal. O público-alvo das atividades são as escolas do 6º ano do ensino fundamental até o ensino médio, mas inscrições de outras séries poderão ser avaliadas.

A visita da equipe do Canal Ciência envolve a realização de oficinas, jogos e outras ações educativas, com foco especial em pesquisa em competência em informação. Aplicando os conhecimentos de materiais didáticos, o estudante passa a reconhecer as necessidades de informar-se, ser informado e informar os outros sobre as diferentes mídias e suportes de comunicação. Nesse contexto estão incluídas ainda as discussões sobre o cyberbulling.

As oficinas compreendem também as questões legais e sociais que envolvem o uso da informação e a necessidade de se compartilhar, posteriormente, o conhecimento obtido nesse processo.

Os interessados devem enviar um e-mail para o Canal Ciência, com nome da escola, nome dos responsáveis, séries de interesse, contato e datas possíveis para a realização da visita. Clique aqui para saber os meios de contato com o Canal Ciência.

Como funcionam as oficinas: as oficinas do Canal Ciência/Ibict são iniciativas para conversas com crianças e adolescentes sobre ciência, tecnologia e inovação. A linguagem é de fácil compreensão, a fim de explicar o fazer ciência com clareza, tornando todo o processo divertido para as crianças e adolescentes.

A equipe do Canal Ciência tem como missão a constante busca pela excelência no desenvolvimento e produção de conteúdos de divulgação científica e tecnológica, promovendo serviços de popularização da ciência para o público em geral, especialmente para estudantes brasileiros em diversos níveis.

A ideia é familiarizar o público usuário com o método e o pensamento científicos e despertar seus interesses por assuntos e carreiras científicas, buscando orientar o uso ético-crítico-reflexivo de tecnologias digitais de comunicação para disseminar informações, produzir conhecimentos e subsidiar a resolução de problemas que visam formar cidadãos para exercer protagonismo e autoria na vida pessoal e coletiva, baseados na sólida premissa de que a ciência está em tudo.

Patrícia Osandón
Núcleo de Comunicação Social,

Publicado em Notícias
Fim do conteúdo da página