Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Sala de Imprensa > Notícias > Delegação internacional da Rede Cariniana participa do IV SINPRED
Início do conteúdo da página
Terça, 14 Mai 2019 18:16

Delegação internacional da Rede Cariniana participa do IV SINPRED

Especialistas estrangeiros reunidos com Miguel Arellano e Cecilia Leite Especialistas estrangeiros reunidos com Miguel Arellano e Cecilia Leite Carolina Cunha

Na terça-feira (14), o Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia (IBICT) recebeu a visita de membros da Delegação Internacional da Rede Cariniana. Os estrangeiros vieram ao Brasil como palestrantes do IV SINPRED, o Seminário Internacional de Preservação Digital organizado pela Rede Brasileira de Preservação Digital - Cariniana. O evento acontece nos dias 15 a 17 de maio, na Universidade Federal de Goiás, em Goiânia.

Participaram da visita os especialistas Kari R. Smith (Massachusetts Institute of Technology/Estados Unidos), Marisa Raquel De Giusti (Universidad Nacional de la Plata/Argentina), Jonathan David Crabtree (University of North Carolina at Chapel Hill/EUA) e David Alonso Leija Román (Asociación Iberoamericana de Preservación Digital/México). 

O SINPRED é uma iniciativa do IBICT em parceria com a Universidade Federal de Goiás (UFG). Segundo Cecília Leite, diretora do IBICT, o evento é uma excelente oportunidade para o intercâmbio de conhecimentos.  “Esse encontro traz a discussão daquilo que está sendo feito de mais avançado em preservação digital nos países que participam da rede. Isso permite que o nosso instituto continue na vanguarda desse tema no Brasil”.

O SINPRED promove a realização de workshops e painéis sobre aspectos da preservação digital com especialistas nacionais e internacionais.

No evento, a norte-americana Kari Smith vai apresentar um painel sobre a formação em preservação digital e um workshop sobre repositórios que usam o Archivematica, sistema gratuito de código aberto. “Acho fantástico poder vir ao Brasil para falar e aprender sobre o que está acontecendo em acesso aberto e preservação digital. Espero também mostrar um outro enfoque sobre a ferramenta”, diz a arquivista do MIT.  

A avaliação da gestão da preservação digital nas instituições é o tema do painel da argentina Marisa De Giusti, da Universidade Nacional de La Plata, que se destaca por preservar o acervo de bibliotecas, museus e institutos. Vamos compartilhar as experiências de cada um, discutir a qualidade dos repositórios em nossos países e mostrar a bandeira do Acesso Aberto, fundamental nos espaços de informação”.

O painel do norte-americano Jonathan Crabtree busca apontar caminhos para a criação de redes de preservação digital. “Eu vou falar sobre as diferentes ferramentas que podem ser usadas para a criação de repositórios. Mas também vou apresentar a ideia de que repositórios são construídos na base da confiança. Somos responsáveis pelo conteúdo. Não basta apenas a tecnologia. É preciso colaboração entre as organizações, bons líderes de processos, transparência e gestão”.

Já o mexicano David Alonso Leija Román pretende apresentar o panorama da preservação digital na América Latina.  “A Associação Iberoamericana de Preservação Digital está trabalhando muito para a divulgação da importância das instituições resguardarem o patrimônio cultural e acadêmico”.

Para conhecer a programação completa do evento, acesse o link:

http://eventoscariniana.ibict.br/index.php/sinpred.

Carolina Cunha

Núcleo de Comunicação Social do IBICT

 

Última modificação em Segunda, 20 Mai 2019 15:02
Fim do conteúdo da página