Banner ACVCarinianaOasisbrManifesto

Serviço Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT)

Histórico

Em 2002, o Ministério da Ciência e Tecnologia (MCT) identificou a necessidade de ampliar o acesso das micro e pequenas empresas (MPE) ao conhecimento tecnológico disponível em diferentes instituições de pesquisa. Convidou, então, instituições brasileiras que forneciam respostas técnicas para a criação de uma rede de serviços articulada, destinada a oferecer, gratuitamente, informações de fácil acesso e que contribuísse para a melhoria de produtos ou processos de micro e pequenas empresas.

Foram sete as instituições que se reuniram e apresentaram um projeto para implantação e operação da rede chamada Sistema Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT), em parceria com o IBICT e o SEBRAE Nacional: o Centro de Desenvolvimento Científico e Tecnológico da Universidade de Brasília (CDT/UnB), o Disque-Tecnologia, da USP, a Fundação Centro Tecnológico de Minas Gerais (CETEC/MG), a Rede de Tecnologia do Rio de Janeiro (REDETEC), o Instituto Tecnológico do Paraná (TECPAR), a Rede de Tecnologia da Bahia (RETEC/BA) e o SENAI/RS.

Em 2004, a Rede SBRT disponibilizou na Web o Serviço Brasileiro de Respostas Técnicas (SBRT), para possibilitar ao micro e pequeno empreendedor fazer as suas perguntas e obter respostas elaboradas por especialistas. Desde então, o serviço vem recebendo aprimoramento constante, com nova versão lançada em 2007.

Em 2008, o SENAI do Amazonas foi incorporado à Rede SBRT e o SEBRAE passou a atuar no como intermediário das demandas por informação tecnológica que chegam em seus balcões, complementando o atendimento ao micro e pequeno empresário.