Essa pagina depende do javascript para abrir, favor habilitar o javascript do seu browser! Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página
Quinta, 04 Junho 2020 16:36

Principais Metas

Programas Estratégicos e Metas 

 

Linha de Ação 1 – Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação em CT&I para Expansão e Consolidação do Sistema Nacional de CT&I 

 

Programa 1: Programa de Publicações do IBICT em Informação Científica e Tecnológica 

Meta 1 Publicar, quadrimestralmente, um número da revista Ciência da Informação contendo artigos científicos e inéditos relacionados com a área da Ciência da Informação ou que apresentem resultados de estudos e pesquisas sobre as atividades do setor de informação em ciência, tecnologia e inovação. 

Meta 2 Publicar, semestralmente, um número da revista Inclusão Social com trabalhos no âmbito da inclusão social, com temas ligados a ações, programas, projetos, estudos e pesquisas voltados à problemática da inclusão dos cidadãos na sociedade da informação. 

Meta 3 Submeter 70 (setenta) artigos para a serem avaliados para publicação nas revistas Ciência da Informação ou Inclusão Social. 

Meta 4 Promover a publicação de 2 (dois) livros relacionados à área da Ciência da Informação e a serem editados pelo IBICT. 

Meta 5 Editar e divulgar, até 2022, a nova versão do Código de Classificação Universal (CDU). 

 

Programa 2: Programa Brasileiro de Bibliografia e Documentação 

Meta 6 Desenvolver e implantar, até 2020, 1 (um) sistema para organização e preservação da Memória Técnica-Científica do IBICT. 

Meta 7 Desenvolver e implantar, até 2019, nova estrutura no sistema da Biblioteca do IBICT, incluindo serviço para o gerenciamento de obras eletrônicas para empréstimo aos usuários. 

Meta 8 Desenvolver e implantar, até 2020, o Catálogo Brasileiro de Registros Bibliográficos (PINAKES) com a participação inicial de 30 bibliotecas brasileiras. 

Meta 9 Estruturar, até 2018, o Catálogo Integrador da Rede de Bibliotecas das Unidades de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (RBP). 

Meta 10 Implantar, até 2020, o Catálogo Integrador da Rede de Bibliotecas das Unidades de Pesquisa do Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (RBP) com a participação de 10 Unidades de Pesquisa. 

Meta 11 Estruturar, até 2019, o novo sistema do Catálogo Coletivo Nacional de Publicações Seriadas (CCN). 

Meta 12 Implantar, até 2021, o novo sistema do Catálogo Coletivo Nacional de Publicações Seriadas (CCN) com a integração inicial de 20 instituições brasileiras. 

Meta 13 Estruturar, até 2019, o novo sistema da Rede Bibliodata. 

Meta 14 Implantar, até 2022, o novo sistema da Rede Bibliodata com a integração inicial de 20 instituições brasileiras. 

Meta 15 Estruturar, até 2019, o sistema de informação do Centro Brasileiro do ISSN (CBISSN) para consulta pública. 

Meta 16 Implantar, até 2021, o sistema de informação do Centro Brasileiro do ISSN (CBISSN) com a carga inicial de 1.000 (mil) registros. 

Meta 17 Impulsionar a participação de instituições públicas brasileiras para o depósito de suas publicações oficiais no Portal do Livro Aberto em CT&I. 

Meta 18 Até, 2021, reestruturar o Programa de Comutação Bibliográfica, com a revisão de seus componentes tecnológicos, parcerias e políticas de gestão do serviço. 

 

Programa 3: Programa de Preservação Digital Brasileiro 

Meta 19 Efetuar uma metodologia de estudos comparativos de tecnologias abertas de Preservação Digital. 

Meta 20 Desenvolver um modelo para preservação digital usando tecnologias abertas até julho de 2022. 

Meta 21 Prospectar e transferir 3 (três) tecnologias voltadas à identificação digital de objetos digitais. 

Meta 22 Tornar a Rede Cariniana o principal centro de referência em preservação digital, mensurado por meio de parcerias, publicações, ferramentas e itens preservados. 

Meta 23 Apoiar atividades de pesquisa em preservação digital e o trabalho prospectivo dos colaboradores do grupo de pesquisa da Rede Cariniana. 

Meta 24 Acompanhar e divulgar o desenvolvimento de ferramentas tecnológicas de preservação digital, com vistas à criação de novos produtos e serviços da Rede Cariniana em consonância com as normas internacionais de gestão da preservação de documentos digitais. 

Meta 25 Realização de pesquisa aplicada aos saberes sobre o cerrado e aos processos de salvaguarda de documentação de pesquisa, além de estruturação de ações de preservação digital em longo prazo para coleções vinculadas à Biblioteca Digital do Cerrado (BDC) e ao Herbário Virtual (HV) na Rede Cariniana do IBICT, em parceria com o Jardim Botânico de Brasília (JBB). 

 

Programa 4: Programa de Articulação Institucional e Parcerias 

Meta 26 Firmar 70 (setenta) Termos de Adesão, até 2019, com as Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa que participam de ações relacionadas ao Programa Brasileiro de Acesso Aberto à Informação Científica. 

Meta 27 Até 2020, firmar com as Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa, 50 (cinquenta) Termos de Adesão para a participação na Rede do Catálogo Coletivo Nacional de Publicações Seriadas (CCN). 

Meta 28 Firmar com as Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa, até 2020, 50 (cinquenta) Termos de Adesão para a participação na Rede Bibliodata. 

Meta 29 Efetuar 5 (cinco) Acordos de Cooperação Técnica com áreas de interesse para a disseminação de informação tecnológica. 

Meta 30 Formalização de parcerias Saberes do Cerrado. 

Meta 31 Estabelecer parcerias/acordos com organizações brasileiras detentoras de fontes de informação, tais como: (i) projetos de pesquisa, (ii) pesquisadores, (iii) agências de fomento, (iv) publicações científicas. 

 

Linha de Ação 2 – Gestão da Informação Científica, Tecnológica e de Inovação 

 

Programa 5: Programa Nacional de Informação de Pesquisa para a Gestão da Ciência, Tecnologia e Inovação 

Meta 32 Articulação com instituições que fazem gestão da informação de pesquisa científica, tecnológica e de inovação. 

Meta 33 Compatibilização do Sistema BRCRIS a sistemas de gestão de dados de pesquisa. 

Meta 34 Estudo de padrões de interoperabilidade do Sistema BRCRIS com aderência às práticas internacionais. 

Meta 35 Elaborar e disseminar padrões normativos para sistemas do tipo CRIS. 

Meta 36 Realizar estudos relativos às tabelas de classificação utilizadas em sistemas do tipo CRIS. 

 

Linha de Ação 3 – Ciência Aberta 

 

Programa 6: Programa Brasileiro de Acesso Aberto à Informação Científica 

Meta 37 Incentivar e apoiar a criação de 20 (vinte) Repositórios Institucionais de Publicações Científicas em Acesso Aberto nas Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa. 

Meta 38 Promover a realização de 3 (três) Encontros das Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa que participam de ações relacionadas ao Programa Brasileiro de Acesso Aberto à Informação Científica. 

Meta 39 Até 2020, desenvolver e implantar a Escola Virtual Brasileira sobre Acesso Aberto à Informação Científica (EVAA) em plataforma livre com a disponibilização de três módulos de conteúdo. 

Meta 40 Realizar a divulgação das ações do Programa Brasileiro de Acesso Aberto à Informação Científica por meio da veiculação de 50 (cinquenta) notícias e 10 (dez) participações em eventos. 

Meta 41 Desenvolver e implantar, até 2019, o Diretório Brasileiro de Políticas de Acesso Aberto (Riobaldo) com a disseminação inicial de 50 (cinquenta) registros. 

Meta 42 Estruturar, até 2019, o Sistema de Análise e Mineração de Dados de Bases de Informação em Acesso Aberto. 

Meta 43 Definir e implantar, até 2019, o Sistema de Gestão dos Serviços de Informação em Acesso Aberto. 

Meta 44 Implantar, até 2018, o Laboratório Multiusuário do IBICT e promover seu uso por pesquisadores. 

Meta 45 Desenvolver, até 2019, o portal de revistas científicas brasileiras. 

Meta 46 Desenvolver e implantar um Diretório de Avaliadores de Revistas. 

 

Programa 7: Programa Brasileiro de Acesso Aberto a Dados de Pesquisa 

Meta 47 Estruturar, até 2019, o padrão mínimo de metadados para a descrição dos dados de pesquisa de acordo com as diretrizes internacionais. 

Meta 48 Incentivar e apoiar a implantação de 10 (dez) Repositórios de Dados de Pesquisa para as Instituições Brasileiras de Ensino e Pesquisa. 

Meta 49 Promover 3 (três) novos estudos em grupos de pesquisa sobre Acesso Aberto a Dados de Pesquisa. 

Meta 50 Criar 1 (uma) rede de instituições e pesquisadores sobre Acesso Aberto a Dados de Pesquisa no Brasil. 

 

Linha de Ação 4 – CT&I para o Desenvolvimento Social 

 

Programa 8: Programa de Difusão e Popularização da Ciência 

Meta 51 Validação da metodologia de oficinas presenciais do Canal Ciência. 

Meta 52 Reformulação do portal Canal Ciência. 

Meta 53 Elaboração da Política Editorial do Canal Ciência. 

Meta 54 Diversificação e aumento do público atendido nas atividades presenciais do Canal Ciência (média de 2.000 por ano). 

Meta 55 Produção de material lúdico-educativo de suporte à divulgação científica. 

Meta 56 Tornar o portal do Canal Ciência referência nacional em popularização da ciência na esfera governamental. 

 

Programa 9: Programa de Estímulo ao Uso de Tecnologias 

Meta 57 Implantação de cursos de curta duração, para o desenvolvimento contínuo de novas metodologias e de competências em informação. 

Meta 58 Atualizar a infraestrutura tecnológica do Laboratório de Comunicação Científica (LABCOM/COEPE/IBICT) e do Laboratório Interdisciplinar sobre Informação e Conhecimento (LIINC). 

Meta 59 Implantar o Laboratório em Rede de Humanidades Digitais (Larhud/ COEPE/ IBICT). 

Meta 60 Melhorias e inovação no sistema de informação de apoio ao MID (Sismid). 

Meta 61 Atualização das informações sobre os PIDs (MID). 

Meta 62 Lançamento do Visão. 

Meta 63 Atualização da arquitetura tecnológica e de gestão de dados do Visão. 

Meta 64 Adição de bases de dados públicas com dados para pesquisa (Visão). 

Meta 65 Desenvolver um modelo de acessibilidade para sistemas de gerenciamento de publicações. 

Meta 66 Desenvolver documentação técnica voltada à transferência de pelo menos 3 (três) tecnologias aplicadas à ICT. 

Meta 67 Desenvolver e aplicar 3 (três) cursos presenciais e quatro (4) a distância sobre tecnologias para gestão da informação suportadas pelo IBICT. 

 

Linha de Ação 5 – Formação, Capacitação e Fixação de Recursos Humanos 

 

Programa 10: Programa de Pesquisa e Pós-Graduação em Ciência da Informação 

Meta 68 Incentivar o desenvolvimento de novas pesquisas em Ciência da Informação. 

Meta 69 Desenvolver portais para cada Grupo de Pesquisa do PPGCI, com acesso aos perfis dos integrantes, resultados individuais de pesquisa e promoção de eventos. 

Meta 70 Ampliar as pesquisas de pós-doutorado, com a promoção de colóquios e divulgação dos resultados dos estudos realizados. 

Meta 71 Expandir a internacionalização do PPGCI. 

Meta 72 Aumentar a produção científica do PPGCI, com vistas a melhoria da avaliação quadrienal da CAPES. 

Meta 73 Ampliação do núcleo de produção, arquivamento e difusão de registros audiovisuais relacionados a pesquisas desenvolvidas no âmbito da COEPE, inclusive de memória do IBICT, envolvendo entrevistas, palestras e filmes de divulgação científica. 

Meta 74 Promover o Encontro Nacional da Associação Nacional de Pesquisa e Pós- Graduação em Ciência da Informação (ENANCIB 2020). 

 

Linha de Ação 6 – Promoção da Inovação no Setor Produtivo 

 

Programa 11: Programa de Promoção da Informação Tecnológica para o Setor Produtivo visando à Sustentabilidade 

Meta 75 Reunir, organizar e disseminar informações relevantes sobre o Pensamento do Ciclo de Vida com linguagem acessível adaptada ao público-alvo. Meta 76 Publicar 15 (quinze) artigos e livros científicos qualificados sobre o tema ACV. 

Meta 77 Implantar, até 2018, o repositório temático do Prêmio Professor Samuel Benchimol e Banco da Amazônia de Empreendedorismo Consciente, inicialmente com 20 (vinte) registros. 

Meta 78 Aprimorar todos os sistemas de promoção da informação tecnológica para o setor produtivo, dentro da infraestrutura do IBICT. 

Meta 79 Fornecer infraestrutura de informação em Avaliação do Ciclo de Vida de forma a atender academia, indústria e sociedade em geral. 

Meta 80 Fortalecer a formação de competências técnicas em ACV em âmbito nacional. 

Meta 81 Desenvolver e disponibilizar informações de cunho técnico e científico para o fortalecimento da ACV em âmbito nacional e internacional. 

Meta 82 Contribuir para a consolidação do Programa Brasileiro de Avaliação do Ciclo de Vida, dando o suporte científico, técnico e operacional necessário. 

Meta 83 Ampliar o número de inventários de processo disponibilizados no Banco Nacional de Inventários do Ciclo de Vida (SICV Brasil). 

Meta 84 Promoção de eventos de abrangência nacional e/ou internacional relacionados ao tema. 

Meta 85 Depositar junto ao INPI 10 (dez) marcas do IBICT. 

Meta 86 Capacitar 3 (três) colaboradores do IBICT, em aspectos fundamentais da propriedade intelectual. 

Meta 87 Publicar livro apresentando a temática da Informação Tecnológica em parceria com outras instituições públicas. 

Meta 88 Ampliação em 10% do número de respostas técnicas atendidas e publicadas no portal do SBRT (totalizando 35.000). 

Meta 89 Remodelagem do portal e banco de dados do SBRT. 

Meta 90 Disponibilização de indicadores de desenvolvimento econômico e social.

Última modificação em Quinta, 04 Junho 2020 16:50
Fim do conteúdo da página