Banner ACVCarinianaOasisbr

Sala de Imprensa

SEERaD é referência no Brasil

 

O Ibict tem sido referência na disseminação e apoio a várias ferramentas para a disseminação da informação, entre elas o SEER/OJS  (Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas). Dentre as ações desenvolvidas por este instituto está o curso de utilização do SEER/OJS para editores, ofertado presencialmente e na modalidade à distância. Com isso, o Ibict tem contribuído, com a utilização dessa ferramenta, com mais de 1600 revistas usuárias desse software, sendo destaque mundial na criação de revistas em acesso aberto.

Quanto ao treinamento à distância, denominado de SEERaD  (Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas à Distância), foi desenvolvido pelo Miguel Angel, Alexandre Faria, Ramon Martins e Carlos Meinert, como evolução dos treinamentos presenciais, tornando-se mais abrangente, pois possibilitaria que usuários de todo o Brasil, pudessem fazê-lo sem a necessidade de deslocamento. O SEERaD iniciou sua operação em 2009.

Em 2013, o curso na modalidade à distância foi reformulado, utilizando tecnologia atual, condizente com as necessidades dos usuários, por Ronnie Brito, Andrea  Fleury e Milton Shintaku. O curso foi desenvolvido em HTML5 facilitando a portabilidade, de forma a permitir que outras instituições possam ofertá-lo.  

O novo SEERaD tem se tornado referência no Brasil e nesta ultima edição haviam mais de 450 inscrições, das quais apenas 150 puderam ser efetivadas. Os demais interessados devem ser atendidos nas edições de 2016, visto que a última turma de 2015, que será realizada em outubro, já possui mais de 100 inscritos.  Anteriormente, em 2013, foram abertas duas turmas, em 2014 foram quatro turmas, repetidas em 2015 visto o crescente interesse no treinamento.

Nessa nova fase do SEERaD, até a oitava edição, haviam sido convidados a fazer o curso 644 usuários. Esses dados revelam o grande interesse e prestígio da instituição, além de confiabilidade e maior oferta de vagas. Nesta edição de 2013, editores de revistas científicas do Uruguai estão fazendo o curso, apresentando inserção internacional das ações do Ibict.

O curso fomenta a interação entre os alunos nos processos de submissão e avaliação, de forma que ao seu término, cada aluno tem uma revista com o primeiro número publicado. São trabalhados os principais processos editoriais da revista, de forma prática, apoiando a transferência de tecnologia, alinhada com a missão do Ibict.

Entretanto, a dinamicidade apresentada pela evolução tecnológica traz desafios, requerendo constante adaptação às necessidades dos usuários. Uso mais amplo  e constante de identificadores digitais, como Digital Object Identifier (DOI) e Open Researcher Contributor ID (Orcid), assim como as mudanças na comunicação científica com os movimentos de dados aberto e ciência aberta, destacam os desafios a serem enfrentados.

Núcleo de Comunicação Social

12/08/2015

Fonte: Coordenação de Articulação, Geração e Aplicação de Tecnologia

Data da Notícia: 12/08/2015 17:35