Banner ACVCarinianaOasisbrManifesto

Sala de Imprensa

Acadêmica surda defende TCC de Psicologia

Novembro foi o mês da diversidade cultural na Unisul. Entre as defesas de Trabalhos de Conclusão de Cursos(TCCs) sobre deficiências físicas e cultura indígena está a apresentação da aluna Elisa Vasco. A aluna apresentou seu trabalho em 18 de novembro no campus da Grande Florianópolis, na Pedra Branca, em Palhoça.

A acadêmica do curso de Psicologia elaborou seu trabalho baseada nas possíveis intervenções de psicólogos com pessoas surdas. Sua defesa destacou de que forma essas intervenções podem ser feitas, pois muitos profissionais não têm conhecimento sobre a língua de sinais, culturas e identidades surdas. A banca elogiou o TCC da aluna pela importância da divulgação do trabalho para outros profissionais da área da saúde. Na organização do trabalho, Elisa Vasco foi orientada pela professora Nádia Kienen.

O TCC abordou itens como o entendimento do que é ser surdo na sociedade, estratégias de comunicação, instrumentos utilizados pelos psicólogos para intervir com os surdos além das facilidades e dificuldades encontradas na intervenção. As pesquisas concluíram que os meios de comunicação mais utilizados pelos psicólogos são a língua de sinais e os desenhos por serem mais fáceis de aplicar. Elisa pretende trabalhar em clínica ou escola de surdos, seu foco é a psicologia na área da surdez.

A acadêmica teve o apoio da orientadora Nádia Kienen, da intérprete Mauren Medeiros e dos professores Adriano Nuernberg e Simone Vieira. Assim os obstáculos foram minimizados. A escassez de bibliografias na área da psicologia para surdos foi sanada pela ajuda dos professores que indicaram livros e tiraram as dúvidas que surgiram.

portal2.unisul.br

Data da Notícia: 09/12/2009 17:55